Mocidade Unida da Mooca

Ficha técnica

Fundação: 18/03/1987

 

Cores Oficiais: Vermelho e verde

 

Presidente: Rafael Falanga

 

Mestre de Bateria:  Caik Holtz Mano

 

Primeiro casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira: Jefferson Gomes e Janny Moreno

 

Carnavalesco: Rodrigo Meiners

 

Diretores de Harmonia: Vanderley Silva, Neto Reis, Rodrigo Romano e Luiz Leite

 

Intérpretes: Clayton Reais e Guilherme Cruz

 

Colocação em 2018: Campeã do Grupo de Acesso II - Subiu para o Grupo de Acesso

 

Ordem do Desfile em 2019
Grupo de Acesso - Domingo - 03/03
1ª Escola à Desfilar  - 21H00

 

Enredo de 2019: " Manto Sagrado, a História que o Tempo Bordou "

Enredo 2019

Letra do Samba

MANTO SAGRADO, A HISTÓRIA QUE O TEMPO BORDOU

 

Oooo tem kizomba no terreiro,
Ooo salve o samba verdadeiro,
Sou raiz de gente bamba e não vou negar
A Mooca é o meu lugar!

 

A luz do candeeiro alumiou,
Me faço um griot aos pés de um baobá,
Sou eu quem chora o açoite,
Na sombra da noite, quem singra o mar.
São tantos sonhos a beira do cais,
Tantas lembranças dos meus ancestrais,
Marcando as tramas que a vida me deu,
Herança que não se perdeu.
Um fio de esperança enfim renascerá,
Ao som de aguerês e alujás

 

Pirapora ê pirapora,
A romaria bom jesus abençoou
Tem jongo, tem batuque até o dia clarear
Lerê lerê escondido da sinhá.

 

Retalhos se encontram no infinito,
Rio a baixo vai seguindo a procissão,
Bem mais que preto, verde e branco ou colorido
Eu vejo o mundo no estandarte de um cordão.
Saudade se traduz em poesia,
Num lindo pavilhão a tremular,
És a bandeira do samba, “manto sagrado”
A ti vou me curvar

 

 Compositores: Dom Marcos, Gui Cruz, Minuettos, Vitor Gabriel, Portuga, Luciano Rosa, Marçal, Reinaldo e Imperial

Nossa história

Em breve!

Últimas notícias Ver todas