2 2 4

DIAS PARA O CARNAVAL!

X-9 Paulistana

Ficha técnica

Fundação: 12/02/1975

Cores oficiais: Verde, vermelho e branco

Presidente: Ailton Martinelli (Branco)

Vice:  Fabiano Paz (Dentinho)

Carnavalesco: Amarildo de Melo

Mestres de Bateria: Fabio Américo e Kito

Primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira: Danyel Vitro e Lisandra Grothers

Diretores de Harmonia: Gutemberg Gomes (Berg)

Rainha de Bateria: Juju Salimeni

Madrinha da Escola: Tarini Lopes

Enredo de 2018: "A voz do samba é a voz de Deus. Depois da tempestade, vem a bonança!"

Intérprete: Darlan Alves

Melhor colocação no Grupo Especial: 2 títulos (1997 e 2000)

Enredo 2018

 

Letra do Samba

A VOZ DO SAMBA É A VOZ DE DEUS. DEPOIS DA TEMPESTADE VEM A BONANÇA!

O dom da comunicação
A luz da criação nos concedeu
O verbo do Pai, "é divinal"
"Na boca do povo eu tô"
Do "arco da velha é meu carnaval"
"Atire pedra quem quiser"
"Na China olho grande não vai entrar"
Quem planta bonança vai colher
Quando a tempestade passar
É de arrepiar!
"Quem não pode com mandinga não carrega patuá"

Ora pois, vem pra cá
E não vais recusar
"Maria vai com as outras"
É hora de sambar!
"A rainha mandou liberar!"

"Se eu conto um conto aumento um ponto"
Pode apostar
Sou xisnoveano apaixonado, "o bicho vai pegar"
Tiro da cartola o que no bolso não tem
"Nem sempre o que brilha é prata", meu bem
"Uma andorinha só não faz verão"
Hoje a zona norte é "união"
"Quem tem boca vai a Roma"
"A esperança não morrerá"
Sente a pulsação do meu ziriguidum
"Um por todos e todos por um"

"Quem canta, os males espanta"
Nessa festa "quem não dança segura a criança"
Chegou X-9, o chão tremeu
"A voz do samba é a voz de Deus"
Pode acreditar é a voz de Deus


Compositores: Jair Roberto, Vaguinho, Rapha SP, Fabinho NT, Marcelo Lepiane, Salgado, Vitor, Fábio Blanco, Nando e Fernandinho SP

Nossa história

O Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba X-9 Paulistana foi fundado em 12 de fevereiro de 1975, no bairro da Parada Inglesa, Zona Norte de São Paulo.
 
Na ocasião, um grupo de amigos comemorava no famoso Bar do Japonês a vitória do seu time de futebol, o Grêmio Internacional Parada Inglesa, time de várzea da região, e, como em qualquer comemoração, era indispensável uma boa batucada. Assim surgiu a ideia de fundar uma escola de samba.
 
Da sua fundação até meados da década de 1980, a participação da escola no Carnaval paulistano era tímida. Mas uma nova administração deu novo estilo para a agremiação e logo veio a recompensa. A X-9 sagrou-se campeã em todos os grupos intermediários até disputar, pela primeira vez em sua história, o Grupo Especial em 1995.
 
Em 1997, a agremiação foi campeã com o enredo “Amazônia, a Dama do Universo”, feito inédito para uma escola de samba com apenas três desfiles no Grupo Especial. Outro título veio em 2000, cantando o enredo "Quem é você, Café!".  Conquistou ainda dois vice-campeonatos, em 2004 e 2005.
 
A X-9 fez parte do Grupo Especial até 2016, quando acabou rebaixada para o Grupo de Acesso. Com novo título em 2017, a escola retorna à elite do samba paulistano em 2018.

Últimas notícias Ver todas

Matérias Recomendadas